Da Entrega....




O amor, devagarinho, esgarça o tecido que veste as nossas defesas e deixa a nossa alma toda de fora. Depois, sorri, encantado, diante da beleza singular da nossa nudez.


|Ana Jácomo|

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Calor.