Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2014

Saudade.

Imagem
Fernando Pessoa.

Entre o Riso e o Significado.

Imagem
Vem da infância o fascínio pelo Clown, adornado com um pouco de medo, é claro. O Circo sempre  aparece como mágica na vida de uma criança.  E vem do palhaço, o encanto que circula dentre todo o universo de cores e exagero. 
Segundo o Fellini,  um "clown encarna os traços da criatura fantástica, que exprime o lado irracional do homem, a parte do instinto, o rebelde a contestar a ordem superior que há em cada um de nós. É uma caricatura do homem como animal e criança, como enganado e enganador.  É um espelho em que o homem se reflete de maneira grotesca, deformada, e vê a sua imagem torpe.  É a sombra."
Sombra essa que tendemos a esconder por não encaixar  numa sociedade cheia de padrões, com gavetinhas que não  cabem o disforme , o escuro  e o mais humano dos adjetivos : o imperfeito.
Mas o  Clown aí está, a lembrar-nos que no homem residem o irracional, o  instintivo . A tirar-nos do automático,  do caos cotidiano que tudo banaliza, a mostrar-nos a beleza da criança que da…