quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Sussurra-me ao ouvido,
Bálsamos, brisas 
( algumas estrelas)
Da tua boca , o meu gosto: 
Acordes, febre, poros e pele.
corro por tuas fronteiras 
impregnando meus cabelos de céu.
Instante bruto.
imenso-me.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Cultive sua flor... ઇ‍ઉ