quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Dos dias que me amanhecem assim...





"Assovia o vento dentro de mim. Estou despido. Dono de nada, dono de ninguém, nem mesmo dono de minhas certezas, sou minha cara contra o vento, a contravento, e sou o vento que bate em minha cara." 

Eduardo Galeano

Um comentário:

  1. Seu blog é lindo! *-*
    visite o meu:
    www.palavrascompreensivas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Cultive sua flor... ઇ‍ઉ