sábado, 10 de outubro de 2015





Vestida de sono, 
alma desnuda
Teus silêncios me atravessam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Cultive sua flor... ઇ‍ઉ