Dialética






É claro que a vida é boa
E a alegria, a única indizível emoção
É claro que te acho linda
Em ti bendigo o amor das coisas simples
É claro que te amo
E tenho tudo para ser feliz

Mas acontece que eu sou triste…

( Vinícius de Moraes )

Comentários

  1. Ah, eu adoro este poema. É de uma simplicidade e, mesmo tendo um contexto triste, não é triste em si. O autor faz apenas uma constatação... é lindo!

    Beijo,
    Malú (:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, menina. Tenho essa mesma impressão.. uma melancolia bonita .. ^_^ Beijo.

      Excluir

Postar um comentário

Cultive sua flor... ઇ‍ઉ

Postagens mais visitadas deste blog

Da amizade.