segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Feliz Ano Novo!









Mais e mais ainda  poesia. Mais abraços, menos beijos insípidos , mornos . Mais livros lidos,mais leituras apaixonantes sem a profundidade superficial das frases feitas e dos lugares-comuns. Mais arrepios, menos medo e mais entrega. Mais surpresa, menos conformismo, inércia. Mais cama, com lençóis limpos e um cheiro inesquecível no travesseiro .

É tempo de lavar-se do ontem, despir-se para o amanhã. Aceitar o que ele trará. Ele. Tirar os cabelos do rosto, sentir o vento, esticar os braços, tentar alcançar a nuvem, ficar na ponta dos pés. Dançar sem vergonha. Conversar com as paredes, abrir as cortinas, vestir os olhos com a paisagem da janela. 

Menos eu, mais nós. Menos dor, mais superação. Menos lágrimas, mais sorriso. Menos vaidade. Mais verdade. Mais doçura. Mais delicadeza. Mais paz. Mais , mais alma. Mais , Mais. Mais. Mais  amor até o fim e depois..

Feliz Ano Novo! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Cultive sua flor... ઇ‍ઉ