Seja forte, siga em frente, respire fundo, e perceba a importância de se ter braços vazios, pra que se possa ter espaço em si para abraçar o mundo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Calor.

À Lá Cléo*