segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Crescer pra quê?





Mesmo tornando-me mulher,

meu coração nunca acompanhou meu crescimento,

é que percebi que quanto menor ele fosse

melhor caberia o mundo dentro.

Quero ser menina sempre!

coração pequenino assim cabe tudo...

Tem mais vontade de sonhos

tem mais espaço pra fé!.

(Erikah Azzevedo)

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011


"As palavras proferidas pelo coração não
tem língua que as articule, retém-nas um nó na garganta e só nos olhos é que se podem ler."

.José Saramago

domingo, 13 de fevereiro de 2011




(...) Foi quando eu senti, mais uma vez, que amar não tem remédio.


.Caio Fernando Abreu

sábado, 12 de fevereiro de 2011

Sobre Borboletas ..



"Sim, eu sei.
Pode parecer maluquice,
mas eu vou mesmo desparafusá-las
e arremessá-las no jardim.
Mesmo que elas não possam voar,
ficarão entre as flores,
o devido lugar de borboletas paralíticas.
Não suporto mais essa idéia de abrir a janela,
levantar os vidros e vê-las ali,
disfarçadas de dobradiças."



. R. Apoena

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011



"Na minha memória - tão congestionada - e no meu coração - tão cheio de
marcas e poços - você ocupa um dos lugares mais bonitos".

(Caio Fernando Abreu)

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Hanging By A Moment ;)



Estou me apaixonando cada vez mais por você Deixando para trás tudo ao que eu havia me apegado Estou aqui parado até que você faça eu me mover
Estou esperando por um momento aqui com você

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011





"Você vai rir, sem perceber, felicidade é só questão de ser"(...)

(Marcelo Jeneci - Felicidade)





sábado, 5 de fevereiro de 2011

"Porque era ela . Porque era eu" ( Paraabéens Kary ;)


" Um amigo Verdadeiro é aquele que fecha os olhos para ver o coração "

(Exupèry)

Amiga, neste dia tão especial..só tenho a lhe desejar muita paz..felicidade ..

saúde e sonhos.. sempre sempre..

Pois..

" A gente nunca precisou jurar eternidade. Ela nasceu inerente a nossa Amizade" ♥
(Marla de Queiroz)

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011



E embora você seja o percalço, o solavanco, o sobressalto,
o gênio forte, amarei eternamente a paz de sua presença amiga,
sua fidelidade, seu diálogo curto, sua fala sem vícios,
seu jeito bucólico de enxegar a vida, seu cinismo de dizer meias verdades...
e sua fúria própria, indomável, marmorizada, de me amar sem limites.
Por isso, passa o tempo, rompem-se alvoradas... esvai-se
o nosso fiapo de vida... caem as estrelas... crescem as crianças...
arcam os caniços... vão e voltam as estações com as flores...
Morrem umas, nascem outras com outras nuanças...
E aqui dentro, igualmente, a verossimilhança que denuncia
o brilho dos teus olhos ocultos, você não passa.
Você não sara. Você não finda. Você não seca.
Você não cessa.
Você não morre.

Vera Fornaciari